29.3.11

porque a Escrevente tem um insight Poético

METAPOÉTICA

o poema
existe por si só

vez que outra
conseguimos decifrá-lo
decodificando-o em palavras

o poema
é como o reflexo de uma estrela:
quando nós o escrevemos
ele já não está mais lá

(Curiosa)

16 comentários:

Paulo Francisco disse...

Com certeza!
Um beijo.

M. disse...

Pode ir/estar num sítio melhor:)

Bela a foto!

Swingers Veronika e Cláudio disse...

Ah, será? Acredito que belos poemas restam escritos no coração, na alma de quem os lê. E esses lugares são eternos...
Beijos, linda!!!

Ah! Se não se importa, estou delicadamente surrupiando esta foto para ilustrar o Convento das Safadas, tá?

Mais beijos!!!

evandro mezadri disse...

Muito bom, reflexivo, profundo.
Grande abraço e sucesso!

Miltextos disse...

Insight delicioso,
o poema curioso - todo prosa -
que nasceu da Curiosa...

Julliany kotona disse...

gostei do seu blog estou a te seguir sempre estarei por aqui a te ler e comentar bjos de bom dia.

Rafalín de los Bosques disse...

Preciosa foto
Um beijo.

Heleno Vieira de Oliveira disse...

Minha linda quero muito que venha ler e comentar o meu novo conto, para facilitar agora estou aqui como Heleno, mas voce sabe que é heterônimo meu, beijos Ulisses

CARLA STOPA disse...

Várias estrelas perdidas viram constelação de poemas fujões...Meu beijo.

wcastanheira disse...

Bom mto bom andar por aqui é sempre beeeem quentinho teu espaço, vc é d++++

dja disse...

hummmm profundo lindona.

beijos.

LOIRINHA KSADA... disse...

são por essas e outras ... que deixei um carinho pra ti lá em minha casa... rs http://loirinhaksada.blogspot.com/2011/03/mais-um-delicioso-selo.html
bjinhos... rs

Assis Freitas disse...

o brilho infindo de um quasar,

beijo

Marcio Nicolau disse...

sim,
são luzes

José Sousa disse...

Beleza de peito! Quem dera os receber em minhas mãos!

bj

VELOSO disse...

Veloso curtiu isso... Uma ótima semana menina!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...