12.6.11

ainda sobre o Dia dos Namorados


8 comentários:

Milla disse...

Amei tudo o que vi...
Como consegue dizer tanto...

Párabens!!!

Milla

GANDALF disse...

Nada como um belo dia para nos atestar a alma,beijos linda ;o)

Em Meus Devaneios Desvairados disse...

Olá tudo bem que linda essa imagem, que bom que passou bem o dia dos namorados quando puder faça uma visita em meu blog, escrevi sobre sexo, e vejo que você sobre esse assunto muito bem, queria saber a sua opinião.

Beijos e abraços na alma

Curiosa disse...

Milla,
se achou que digo é porque encontrou eco nos meus escritos ... e isso nos aproxima e me deixa feliz ... abraço!

Curiosa disse...

Gandalf,
beijos ...

Curiosa disse...

Devaneios,
grata ... mas não entendo nada de sexo ... apenas gosto ... rsrsrs ...
entender? é animal, não há como ... rsrs ... bjim ...

Mrs. Myah disse...

Heyyyy Curiosa...
Sabe que eu fiquei curiosa também por te conhecer..
Por isso vim aqui no seu cantinho,.. pra te deixar um beijo carinhoso..
Estou te seguindo,... beijinhos

Wellington Rainho disse...

Dia dos namorados
Estava ouvindo o jornal, e soube que o dia dos namorados é o 3º dia mais importante para o comercio. Aí comecei a prestar mais atenção. Afinal, estava ouvindo a explicação de um sentimento transformado em compras, presentes. Fiquei ouvindo algumas entrevistas, como lamentações de não poder comprar algo “melhor” para seu AMOR.

Nas imagens os shoppings estavam fervendo, e algumas lojas prometendo ficar abertas até as 24 horas. Minha filha me ligou, pedindo-me para comprar o presente (eletrônico) para seu maridão. Amanha cedo o farei.

Então comecei a pensar em um “produto” que fosse o campeão de vendas no dia dos namorados. Algo leve, que provocasse a sensibilidade, que trouxesse suspiros e delicadeza. Este produto, teria uma roupagem diferenciada, pois incorpora absurdos e excentricidades, porque o amar não é formal, tem um toque desajeitado, é tortamente encaixado no desejo, nos beijos arrancados, e dados, A insegurança, o frio na barriga infantil, se refugia no coração dos apaixonados. Que se acostumam com os hábitos do parceiro, mesmo que antes os classificassem de “absurdos”. No amar, a dúvida faz parte da certeza. Porque o outro numa de suas faces, nos é o apoio. Já na outra face, é o atraente desconhecido, que pode nos levar ao apavorante, ou a qualquer vontade sem sentido. Este produto terá que ser sensível às fases da lua, a rebentação do mar, a madrugada. Tem que ter gosto. Um sabor que case com os sabores excêntricos da vida. Que perceba o dizer dos gemidos, dos gritos, das lambidas, dos sussurros, choros e gargalhadas. O falar do SOM, que não ouvimos.

Um produto que tenha movimento, como as ondas, que vem e vão, formando a energia, que nos levará a viagem do invisível gozo. Este produto não precisará de embrulho para presente, pois é ecologicamente correto. Este produto é personalizado, e não esta a venda, pois só tem graça, de graça, a dois e comido quente....

Postado por Wellington Rainho às 22:04 5 comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...