7.7.11

porque o Inverno traz sentimentos inesperados para a Escrevente


QUANDO A ERVA CRESCER

Quando a erva crescer em cima da minha sepultura,
Seja este o sinal para me esquecerem de todo.
A Natureza nunca se recorda, e por isso é bela.
E se tiverem a necessidade doentia de "interpretar" a erva verde
sobre a minha sepultura,
Digam que eu continuo a verdecer e a ser natural.

(Alberto Caeiro)

24 comentários:

M. disse...

Anda para cá!!!

Calor que nem o Brasil...

lol

Solyni disse...

Amar todo sentimento que te ama...
E ele será carinhoso até com suas lágrimas.
Lindo poema.Estou surpresa.

mencanta fetish disse...

Parabéns gostoso!
mencanta@hotmail.es

Mrs. Myah disse...

Heyyy Curious...
Passando pra deixar um beijo!
Fica triste não!
Beijinho...
Myah

Teresinha Oliveira disse...

Bem que queríamos que as mágoas fossem cães de rua, que passam sem nos deixar lembrança. Mas assim não são. São nossas e frequentam nosso peito sem cerimônias.

Sotnas disse...

Olá Curiosa, que tudo permaneça bem contigo!

Bem como diz no texto, a mágoa somente nos faz sua moradia enquanto o permitimos, e sempre antes de percebermos que sem a companhia dela somos seres melhores!
E por cá tuas curiosidades ainda continuam a me fazer curioso, pois sempre faz belas escolhas e posta para nos aguçar a curiosidade, parabéns por mais esta!
Agradecendo sempre por tuas visitas e amizade, desejo a você e todos os curiosos ao redor intensa felicidade, abraços e até mais!

Sotnas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fátima disse...

Mágoa?
Não a alimente...
Deixe que morra
sózinha!
Alimentada, ficará mais forte...
poderá matar vc.
Deixe que vá.
Não deixe que ela entre em sua casa.
Um bj, minha querida.
Com carinho
da
Fátima

LEO disse...

ser um cachorro nesses tempos contemporâneos é ótimo!
Bjssss
Leo.seximaginariuM
Adivinhe no blogue de quem é a ferramenta!
E...Concorra!

JÔZE PAIVA disse...

Às vezes as mágoas vêem e ficam, mas um dia se vão e deixam a soleira pronta para receber novas gotículas que continuarão o ciclo. É assim a vida.
Bonitas palavras!

atena de Eros disse...

Suas poesias sempre me fazem um bem, não só elas ms seus textos me remetem a reflexões, gosto demais.

Beijos...
Ah! o blog foi reaberto viu?!
http://transformacoesdeatena.blogspot.com

Cherry disse...

essa mágoa que a além não conseguir expulsar a gente alimenta. Maldita! Pior quando se transforma em ódio. A minha é uma pit bull bem braba.

Curiosa disse...

Cherry,
verdade ... mas estamos longe disso ainda, vamos admitir ... eu estou! rsrs ... bjim ...

Curiosa disse...

Atena,
grata !!! eu ficio muito feliz com isso, sinto-me menos só ... sinto-me incluída, pertencendo ... muito feliz ... que bom que o blog foi reaberto .... bjim ...

Curiosa disse...

Jôze,
a vida está ai para aprendermos a não ter mágoas .. bjim

Curiosa disse...

Leo,
bjim

Curiosa disse...

Fátima,
não ... eu tento não alimentar ...é o que todos fazemos, acho .. grata, querida ...

Curiosa disse...

Sotnas,
grata, querido, por cada palavra, por sua sempre presença ... bjim ...

Curiosa disse...

Teresinha,
sem cerimônias mesmo ...são nossas velhas conhecidas ... bjim querida ...

Curiosa disse...

Myah,
já passou.
beijo!

Curiosa disse...

mencanta,
beijinho, querido ...

Curiosa disse...

Solyni,
lindo mesmo ... é bom ficar surpresa, não?

Curiosa disse...

M.
humhum ... aproveite ... bjim

Angelo Pê Relsing homônimo disse...

que legal,ainda mais no dia do meu niver..
Mas não estou com pressa para a sepultura..
Deixa as ervas daninha crescerem por lá, até o dia que eu e ela tornássemos um só..

(Você seguiu meu blog de teste,uso apenas para não fazer besteira no blog principal,usando novas ferramentas)mas obrigado..

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...