31.10.11

porque a Escrevente supera a si mesma

HEROÍNA DE MIM

do centro do castelo
da minha vida
subo e desço
entre a mais alta torre
e o mais profundo calabouço
caminho sinuoso
fere-se a alma
em pontas de desgosto
afiadas

vendo a ilusão que me vai embora
cintilantes dores chegam
em grupo
aproxima-se então
o nada
consome minhas cinzas
a realidade

porém
brisa suave traz o perfume do alto
- a heroína intui sua dimensão divina

e a cada vez no topo
sonha com a alegria
ilude-se com a filosofia
e permite que o mundo a veja
vibrante
na vitória de um instante
sem sua máscara de agonia

(Curiosa)


a Vida da Escrevente está em paz ... ao mesmo tempo, vibrante ...
a Heroína está em uma alta torre do castelo, neste momento ...
por instantes, pensa ser ela mesma a se expressar ...
tirando as máscaras, essência ... permitindo-se ...


19 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Tu escreves muito bem, curiosa.
O post de hoje está excelente, aliás, com sempre!
Um abração. Tenhas uma linda semana.

Jorge disse...

gostaria de estar vivendo junto com todos eles agora ... sem exceção.

Além de escrever bem vc se revela alguém que ama com intensidade e com ideias...curiosas e vanguardistas. Parabéns!!! E Nunca se arrependa de se apaixonar...É o que nos faz sentir vivos!!!

Eroticamente (In) Correto disse...

O amor, a paixão, as ausências,... Aprendemos e aprendemos e, mesmo assim ainda somos pegos de surpresa pela vida.



Beijo do IN_

Rafalín de los Bosques disse...

Oh Curiosa.
Que intensidade de poemas.
Cuanta bellezza.

En el "ir y venir" de los caminhos do Alma, esta la certezza del vivir completo.

¡Cuando me arrepiento existo!

Beijinhos por toda voÇè!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Nos colocamos nas torres ou calabouços em acordo com o nosso sentir...

Que em suas torres paire,sempre o amor presente,ausente ou os que já se foram!

Um beijo!

sonia Regina

Íntimas Intenções by Anita disse...

Dissestes que o meu blog era uma delicia, mas entrando agora aqui me arrepiei com cada palavra, com cada sentimento contido nelas.
É pura expressão de amor, é puro tesão.

Beijos,
Anita.

tecas disse...

Olá, amiga Curiosa! Uma delícia este seu poema.Em cada palavra se solta um sentimento para finalizar divinalmente.
«e a cada vez no topo
sonha com a alegria
ilude-se com a filosofia
e permite que o mundo a veja
vibrante
na vitória de um instante
sem sua máscara de agonia»
Bjito amigo e uma flor.

filosofo disse...

um blog muito bom com excelente conteudo,parabéns!!visitem meu blog atitude-critica.blogspot.com
creio que vão gostar.

Aline P. Silva disse...

Bonito este espaço, feminino e ousado na medida certa... Já tinha visitado, mas resolvi comentar dessa vez. rs
Vida longa â escrevente, aos seus amores e poemas, tantos e tão admiráveis em sua despretensão. :)

Dança para restabelecer a lua eclipsada disse...

http://anjocanhoto.blogspot.com/

Curiosa disse...

Dança ...
adorei o nome do blog: anjo canhoto ...

estou indo lá visitá-lo ... bjo

Curiosa disse...

Aline,
rsrs ... grata, querida .. vida longa a todos nós ... precisamos de tem po para aprender o que nem saber ser ..
abraço!

Curiosa disse...

filósofo ..
tenho que dizer, estou meio queimada com os filósofos ultimamente ... rsrs ... mas vou tentar não levar para o pessoal .. rsrs ...
bjo

Curiosa disse...

tecas,
grata!

Curiosa disse...

Íntimas intenções,
grata, querida ...

Curiosa disse...

gritante,
grata, querida ...

Curiosa disse...

rafalín,
querido, intenso é você ...
adoro tê-lo presente ...

Curiosa disse...

incorreto, querido,
parece que será sempre assim ... grata pela visita querido ... bjim ...

Curiosa disse...

Dilmar, grata,querido ... fico feliz que goste ...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...