15.7.12

porque Escrevente não queria amar


Desdeñosa - Lhasa de Sela  

Aunque mi vida este de sombras llena  
No necesito amar, no necesito  
Yo comprendo que amar es una pena  
Y que una pena de amor es infinita  

Y no necesito amar - Tengo vergüenza  
De volver a querer lo que he querido  
Toda repetición es una ofensa  
Y toda supreción es un olvido  

Desdeñosa, semejante a los dioses  
Yo seguiré luchando por mi suerte  
Sin escuchar las espantadas voces  
De los envenendados por la muerte 

No necesito amar - absurdo fuera
Repetiré el sermón de la montaña
Por eso de llevar hasta que muera
Todo el odio inmortal que me acompaña

17 comentários:

TRILCE disse...

Amar no es símbolo de necesidad sino expresión profunda del alma y de eso casi nadie se salva aunque no lo desee. SALUDOS

SenhoraLúcifer disse...

Poxa eu daria tudo para sentir isso novamente!
Ando tão seca e descrente do amor que tenho medo de não sentir novamente e, parece quando uma coisa acontece tudo acontece junto e vira o caos.
Beijos querido.

O Guri disse...

Eu ainda não senti isso por ninguém. Ao menos não de forma profunda e clara como você. Tenho inveja de você.

Abraços,

O Guri disse...

ah, Saí de casa esse ano e digo pra você, tem sido ótimo. Pra mim e até para meus pais, eles se uniram muito mais, várias coisas mudaram e ainda vão mudar. Precisamos saber como é lá fora pra dar valor ao que temos!!

Pura verdade

Curiosa disse...

Guri, querido, bom receber sua visita, há tempos não vinha ... e eu não tenho tido tempo para visitar os amigos ...
então você saiu? que bom ... meus parabéns ... tudo muda mesmo na família ... mas acredito que seja para melhor, como você disse (desde que o jovem esteja vem ...) ...
abraço pra você, querido, e força aí ...

Escarlatte disse...

Está em meio a esta tempestamente de emoções é uma guerra pessoal que nem Anjo pode nós ajudar.
Minha cara, estou padecendo deste mal"estranha paixão", as vezes dá vontade de tocar fogo no mundo só pra garantir a minha zona de conforto de outrora!
Não sei que diablos disse que estar apaixonados é maravilhoso. É um total desequilibrio a sanidade minha.

Boa sorte à NÓS.

Vera Portella disse...

CURIOSA!
EU ADORO TEUS ESCRITOS, TODOS...
PARABENS PELO MARAVILHOSO TALENTO.
BEIJOS
VERA PORTELLA

Palavras Vagabundas disse...

Bem vinda lá em casa!
abs
Jussara

Rafalín disse...

Bonita pasión Curiosa...
Voltei por aquí, como siempre, siguiendo tus convulsiones da Vida
¡Que bonito vivir con intensidade nao?
Tu amigo Rafalín...

Marisete Zanon disse...

Tanto tempo que sigo este Blog e te imaginava com uns 26 anos, solteira e resolvidíssima. Hoje leio que estás com vergonha de namorar? Nãããoooo. Deixe fluir, acredito que como grande poeta que és vai saber lidar com toda essa situação. Te desejo toda sorte e que principalmente fiques bem contigo mesmo!
Tenhas uma boa noite querida!
Beijo, de coração...

Sotnas disse...

Olá Curiosa, e que tudo permaneça bem contigo!

Vejo que continua escrevendo sua história nesta vida, e agora novamente com o coração. Creio que é sempre bom nos sentir vivos, isto é amar e ser amado, é a natureza humana que nós querendo ou não ela segue seu curso.

Fico contente que sua filha está de volta, claro que não da maneira que gostaria, mas, assim é viver, alegrias encontros desencontros e algumas decepções fazem parte deste aprendizado, ela precisava viver isso, penso que ela sempre lhe será grata por proporcionar a ela este aprendizado sobre as pessoas, inclusive sobre as que amamos!
Obrigado pela visita.

E deveras feliz com tuas visitas e comentários eu deixo cá meu abraço e desejo que você e todos tenham um viver deveras intenso e feliz, até mais!

Curiosa disse...

sotnas, querido ... não sei se eu queria estar escrevendo assim, com o coração, como vc fala ... é um órgão que dói muito, quando usado .... :)
agradecida pelas tuas tão gentis palavras que sempre me ajudam ... ajudaram-me quando minha filha saiu de casa ... acariciam-me, agora ... grata! desejo tudo de mais bom pra vc também ...

Curiosa disse...

marizete,
sooorrry ... rsrsrs ... mas tenho que dizer que sou ambas ... rsrs ... abraço!

Curiosa disse...

palavras vagabunda ... agradecida ... igualmente ...

Curiosa disse...

vera, fico imensamente feliz ... abraço!

Curiosa disse...

escarlatte,
você sabe como me sinto ...:)

Curiosa disse...

trilce,
verdade ... abraço!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...