16.8.12

porque a Escrevente ficou sem título

SE ELE ME QUISESSE

o cavaleiro altivo
de armadura reluzente
cujos olhos me perseguem

que esplendor seria

eu - princesa resgatada
decifrada nos seus olhos
toda sua

e o seu todo no meu eu

e o nosso gozo
com o aroma das tardes voluptuosas
quando o sexo é feito devagar e molhado

ah! se ele me quisesse

mas
para me querer
é preciso coragem

coragem
para  enfrentar
a minha vastidão
e a minha multitude

para aceitar
a minha contradição
e a minha inquietude

você tem
bravura suficiente
cavaleiro altivo
de armadura reluzente
cujos olhos me perseguem?

(Curiosa)

..

7 comentários:

Rafalín disse...

Amiga Curiosa.
Que verdade de prosa poética.
¡Cuantos reflejos!
¡Cuantos guiños!
¡Qué emocionante!
Talvez...Solo si tú me lo pides.
Talvez...solo si tu me lo imploras.
Talvez...Yo quisiera quererte
Por un tiempo. Por toda la eternidade...
Solo si tu me quisieras...Talvez...

Beijos onde vc mais guste...

Curiosa disse...

Rafalín, querido ...
yo imploro! para sempre!
besitos, amado ... no pescoço ...

Sotnas disse...

Olá prezada Curiosa, e que tudo permaneça bem contigo!


Passando por cá novamente este curioso amigo para ler tuas belas Intimidades deveras Curiosas, e sempre com este teu estilo, com verdades elaboradas com palavras simples e, que por este motivo encanta os curiosos que por cá passam, parabéns, e obrigado por compartilhar, pelas visitas e gentis comentários.

Sobre a sua filhota, eu desejo que ela supere esta fase, tão logo ela compreenda que pessoas adultas tem mania de complicar mais as coisas, e filhos de pais separados sempre vai se sentir nestas encruzilhadas das escolhas e decepções, passei por isso! Sei que não está sendo fácil, mas, tempo, este nos ensina muito também, tempo!

E assim eu deixo meu desejo que vocês tenham um viver deveras intenso e feliz, abraços e até mais!

CARLA STOPA disse...

Uau...

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Realmente,és dona de um dom ímpar,o de colocar as palavras ou nas palavras emoções, paixões,sensualidade,volúpia, enfim só os poetas podem.
Parabéns pelo belo poema.Um grande abraço!

Curiosa disse...

Marli,
agradecida demais por me achar uma poeta ... :)
abraço!

Curiosa disse...

carlinha,
grata pela visita ...
abraço!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...