28.10.12

porque a Escrevente precisa olhar para ela mesma

CURIOSA

é uma de mim
que alcança dizer
um pouco do que estou
enquanto tento ser
melhor que eu

(Curiosa)

..

CURIOSA

meus defeitos
sei de cor
posso listá-los
de trás para frente
em ordem alfabética

como quiserem

já minhas qualidades
somente as reconheço
no retorno do outro

em seus obrigados
seus sorrisos
seus abraços
seus olhares

suas presenças

(Curiosa)

..


CURIOSA

oscila entre os tempos
vai até o impossível
descobre o que ninguém vê
inventa o inconcebível

(Curiosa)






Luli e Lucina
me embalam há muito tempo, adoro suas vozes e suas músicas .....

esta letra, em particular, é meu mantra de vida, pois ainda necessito
muito muito aprender a calar ... escutar ... e falar menos ...

24.10.12

porque a Escrevente racionaliza para não amar

TU  / ou /  SANGRANDO

como um raio
pontiagudo e afiado
que mancha a Palavra
a carmim

teu nome
quando pronunciado
crava um verso
novo em mim

(Curiosa)

...







20.10.12

porque a Escrevente busca justificativas para além dela mesma*

MEU ASCENDENTE EM PEIXES

presunçosa
penso que todos precisam de mim
que é minha a tristeza de todo coração

que dos meu olhos caem as lágrimas
de cada um que já chorou

que das minhas letras nascem as palavras
dos que não sabem se dizer

peixes
com um olho de cada lado da cabeça
não consegue olhar para si mesmo
para as próprias necessidades

perdoa a todos em suas imperfeições
mas jamais se auto-redime

não raro vaga em águas
profundas escuras frias
e solitárias
em busca do deus interno
que lhe traga autocompaixão

(Curiosa)




...

somente para lembrar:

ninguém precisa mais de mim do que eu mesma
ninguém precisa mais de mim do que eu mesma
ninguém precisa mais de mim do que eu mesma

..

13.10.12

pequeno escrito feito sob o aroma de nosso gozo

NOSSO SEXO

em teu corpo se encaixa
minha oquidão de alma

tuas mãos de luz
me (re)forjam outra
etérea
entranha
cratera

teus olhos - em cio
me fazem gozar
alma e matéria

(Curiosa)

..

8.10.12

porque a Escrevente se perdeu de si mesma

FELICIDADE ou ILUSÃO

a vida é bela
o sofrimento congela
as borboletas voam
viva o ansiolítico !

a vida é bela
a ilusão é amarela
as borboletas voam
viva a fluoxetina !

a vida é bela
o amor me engabela
as borboletas voam
viva a psiquiatria !

(Curiosa)

...

voltei para a minha psiquiatra/terapeuta ...
ando triste demais ... estou com medo de mim ...
e outros precisam de mim ... logo ... eu preciso viver ...
então ... busco ajuda ...
porque aonde fui de mim, não me alcanço mais sozinha ...

..


5.10.12

porque a Escrevente só se encontra no verso

AUTOPENITÊNCIA

eu não vou escrever
senão poesia

poesia
que de mim
me anistia

que minha
alma acaricia
que minha
pele arrepia

poesia
que me
salva o dia

eu não vou escrever
senão poesia
poesia
poesia

(Curiosa)


4.10.12

porque a Escrevente delira e se sente melhor

.o que nomeio não me comporta
o que me descreve são meus olhos
o resto é ficção de mim



... a cada mil lágrimas, sai um milagre ...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...