18.12.13

porque a Escrevente não esquece de lembrar da Morte

SE EU MORRESSE HOJE ou DAS FUTILIDADES HUMANAS

a gaveta do escritório desorganizada
uma unha ainda encravada
um presunto vencido na geladeira
minha blusa preferida: na costureira
- com que roupa seria enterrada?!

Curiosa da Vida




13.12.13

porque a Escrevente nunca é ela mesma

TRANSTORNO DISSOCIATIVO

poeto minha sombra, mais que minha luz
meu luto, mais que meu gozo
meus vícios, mais que minha justeza

poeto meus eus, mais que eu mesma




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...